31 de mar. de 2021

Parnaibana faz campanha para tratamento de doença que paralisou todo o corpo dela


 

Ajuda ao próximo - Rifa Beneficente em prol de Adão Neto

Piauí registra 38 óbitos por coronavírus em um dia; 19 vítimas eram de Teresina

 Nas últimas 24 horas foram registrados, no Piauí, 1.626 casos confirmados e 38 óbitos pela Covid-19, segundo os dados divulgados pela Secretaria de Estado da Saúde, na noite desta quarta-feira (31).

Dos 1.626 casos confirmados da doença, 893 são mulheres e 733 são homens, com idades que variam de um a 96 anos.

Quinze mulheres e vinte e três homens foram vítimas da Covid-19. Elas eram de Altos (66 anos), Bonfim do Piauí (90 anos), Campo Maior (80 anos), Parnaíba (90 anos) e Teresina (42, 53, 65, 67, 68, 70, 71, 76, 85, 89 e 90 anos). Os homens eram de Altos (66 e 69 anos), Amarante (64 e 72 anos), Barras (63 anos), Campo Maior (63 anos), Demerval Lobão (64 anos), Esperantina (62 e 68 anos), Floriano (83 anos), Parnaíba (77 e 85 anos), Picos (79 anos), Pio IX (60 anos), Piracuruca (60 anos) e Teresina (31, 61, 62, 73, 74, 77, 85 e 91 anos). Sete vítimas não possuíam comorbidades.

Os casos confirmados no estado somam 206.631 distribuídos em todos os municípios piauienses. Já os óbitos pelo novo coronavírus chegam a 4.141 e foram registrados em 218 municípios. Do total, 2.387 homens e 1.755 mulheres não resistiram a Covid-19.

No boletim de hoje está sendo feito a retificação de um óbito duplicado de Teresina, registrado na quarta (30). A correção já foi feita no painel epidemiológico. 

Dos leitos existentes na rede de saúde do Piauí para atendimento à Covid-19, há  1.321 ocupados, sendo 841 leitos clínicos, 437 UTIs e 43 em leitos de estabilização. As altas acumuladas somam 12.078 até o dia 31 de março de 2021.

A Sesapi estima que 201.166 pessoas já estão recuperadas ou seguem em acompanhamento (casos registradas nos últimos 14 dias) que não necessitaram de internação ou evoluíram para morte.

Campanha de vacinação 

Até o momento, o vacinômetro, ferramenta para acompanhar a evolução da campanha de vacinação contra a Covid-19 no Piauí, aponta que 260.451 pessoas já receberam a primeira dose de vacina no estado e 51.254 a segunda dose.

Os dados são atualizados a cada 15 minutos a partir da inserção de registros no sistema de informação da campanha pelos estabelecimentos de saúde. 

O Painel de Monitoramento da Vacinação contra a Covid-19 pode ser acessado através do site www.saude.pi.gov.br.


Fonte: Com informações da Ascom

Motociclista bate em picape e morre na BR-343 em Cocal de Telha


A colisão entre uma picape e uma moto no começo da tarde desta quarta-feira (31) terminou na morte de um homem de 46 anos. O acidente aconteceu na BR-343, em Cocal de Telha. O motociclista teve morte imediata, segundo informou a Polícia Rodoviária Federal (PRF).

De acordo com a PRF, a picape era conduzida por um motorista de 26 anos. As primeiras informações dão conta que a motocicleta transitava pelo acostamento e, ao tentar fazer a conversão à esquerda, foi atingida pela picape.

A PRF informou ainda que o condutor da motocicleta era inabilitado e no momento do acidente não usava capacete de segurança. 

A Polícia Civil e a Perícia Criminal foram acionados para os procedimentos cabíveis.

Hérlon Moraes
herlonmoraes@cidadeverde.com

Barreiras sanitárias serão intensificadas no litoral a partir de hoje



Barreiras sanitárias serão intensificadas a partir de hoje (01/04), através do programa Busca Ativa. As quatro cidades do litoral do Piauí vão contar com equipes para realização de abordagens na entrada dos municípios. Nesta oportunidade serão feitas testagens e acompanhamento de pessoas infectadas pela Covid-19, que sejam identificadas.

Segundo Leôncio Santos, coordenador da Busca Ativa na Planície Litorânea do Piauí, após identificação de pessoas com sintomas gripais e que sejam confirmadas a infecção pela Covid-19, é feito um acompanhamento de 14 dias. Por conta da suspensão do transporte intermunicipal até domingo (04/04) há expectativa da maior movimentação de veículos. Esta Busca Ativa compreende as abordagens aos veículos, orientações às pessoas e testes rápidos em caso de pessoas com sintomas gripais.

Fonte: Portal Costa Norte 

Ciro Nogueira pede prisão de profissionais que fingem aplicar vacina


O senador do Piauí, Ciro Nogueira (Progressistas), apresentou um projeto de lei nessa terça-feira (30), que prevê a prisão de profissionais da saúde que fingirem aplicar as doses de vacina contra covid-19 nos pacientes que se submetem à imunização.

O projeto foi apresentado em Senado, devido aos muitos casos de profissionais que se recusam a realizar a aplicação do imunizante de maneira correta. Segundo Ciro, ele gostaria de que não fosse necessário apresentar a proposta.

Acabo de apresentar no Senado um projeto de lei (PL 1140/2021) que determina a prisão de profissionais de saúde que...

“Eu gostaria de que não tivesse sido necessário propor essa medida, porque parece absurda a situação de um profissional de saúde deixar de aplicar deliberadamente a vacina em um paciente que precisa do imunizante, ainda mais em um momento grave de pandemia como este”, disse o senador em uma publicação através de suas redes sociais.

O projeto de lei prevê a prisão dos profissionais numa reclusão de três a seis anos. “Que a perspectiva de punição exemplar sirva para evitar casos tristes e absurdos como os episódios que vem sendo registrados pelo país”, concluiu.

AQUI VOCE ENCONTRA SIMPLESMENTE TUDO QUE VOCÊ DESEJA

Governador nega sumiço de vacinas e condena fake news sobre vacinação


O governador Wellington Dias (PT) classificou como fake news a informação de que estaria sumindo vacinas no estado.

Ele condenou a circulação de notícias  falsas sobre  a vacinação no Brasil. Wellington Dias destaca que o Piauí está entre os três estados que mais avançaram na vacinação.

De acordo com dados apresentados pelo governador, o Piauí tem vacinado em média 25 mil pessoas por dia. Ele destaca o esforço para se cumprir o cronograma de vacinação. 

“Temos quase 470 mil doses de vacinas que chegaram ao Piauí. Já fizemos vacinação, entre primeira e segunda dose, para próximo de 300 mil vacinas. Somos obrigados a colocar uma reserva para a segunda dose. Ainda temos a distribuição de vacinas que estão em poder dos municípios para a vacinação. Toda vacina que chegou ao Piauí é criteriosamente distribuída e aplicada. Não há nenhuma caso de desvio de qualquer natureza. Há todo o esforço para seguir o cronograma, que agora tem o desafio ampliado. Avançamos na vacinação do pessoal da vacina da saúde, da população mais idosa. Estamos vacinando acima de 65 anos, estamos nos aproximando do final da primeira fase. Agora aprovamos, é uma defesa que fiz com outros líderes nacionais, aprovamos de colocar da segurança e educação. Nos aproximamos de  1 milhão de pessoas vacinadas por dia no Brasil e cerca de 25 mil por dia no Piauí. Isso é que faltava. Tendo vacina, o Piauí e o Brasil tem capacidade de vacina”, disse.

Os governadores do país assinaram uma carta contra as fake news. “É lamentável em que um momento como esse tenhamos pessoas que vão além da tradicional crítica. Uma coisa é criticar e opinar, outra coisa é quando terminar colocando a população de forma desonesta. Apesar de todas as críticas, o Piauí se encontra entre os três estados que mais cresceu a área da vacinação. Um esforço extraordinária da equipe trabalhando direto para salvar vidas. As pessoas têm o direito a liberdade, mas é importante cuidado. Estamos todos com os nervos a flor da pele. É um momento delicadíssimo. As pessoas estão com medo. Qualquer  descompasso, com a angústia que as pessoas estão, pode levar a consequências danosa a vida”, afirmou.

Wellington Dias voltou a pedir que as pessoas respeitem o isolamento durante o feriado da Semana Santa. Ele afirma que o desafio é reduzir a curva de transmissibilidade do vírus no estado. 

"Temos uma situação em que todo esforço é para reduzir a transmissibilidade. Ou seja, quanto menos pessoas em circulação menos teremos propagação do vírus. Primeiro momento de forma massiva reduzir a circulação do vírus e das pessoas.  Também  as equipes para localizar mais cedo quem tem o vírus. A estratégia é localizar cedo para que se tenha as condições do tratamento médico adequado. Fazer a triagem para isolar quem já foi detectado com covid e as pessoas que tiveram contato com o paciente. Para não ter transmissibilidade”, ressalta. 

Com relação ao Governo federal, Wellington critica a falta de articulação com estados e municípios. Para ele, isso dificulta o combate aos vírus.

“Esse trabalho não é fácil porque não temos municípios e estados integrados com a União como ocorre em outros países. Isso termina levando a um tempo maior. A capacidade nossa, com todas as medidas,  é com isolamento em 50%. De qualquer modo, temos resultados. Temos uma instabilidade alta. A transmissibilidade parou de crescer, mas entrou em uma linha de queda. Já chegamos a 2.8 na transmissibilidade. Para se ter uma ideia, para cada 100 exames que fazemos, 40 dão positivo. A medida que cai a transmissibilidade, a expectativa é de ter uma queda no adoecimento. Com isso, esperamos menos entrada na rede hospitalar. É acabar com a fila na UTI. O óbito está elevado porque as pessoas morrem de covid-19 e deficiência no atendimento”, destacou.

Lídia Brito
lidiabrito@cidadeverde.com

Vacina da Pfizer é 100% eficaz em adolescentes de 12 a 15 anos

Vacina da Pfizer pode ser primeira aplicada em adolescentes
A Pfizer e a BioNTech anunciaram nesta quarta-feira (31) que sua vacina contra a covid-19 é 100% eficaz em jovens de 12 a 15 anos. Além disso, testes demonstraram que os voluntários tiveram uma grande resposta na produção de anticorpos.

A partir desse resultado, a Pfizer informou que vai entrar com pedido de uso emergencial nos Estados Unidos para esse grupo e espera que a imunização tenha início antes do próximo ano letivo, segundo Albert Bourla, presidente e executivo-chefe da Pfizer.

"Nós planejamos apresentar os dados à FDA [a agência reguladora dos Estados Unidos] como uma proposta de emenda à nossa Autorização de Uso Emergencial nas próximas semanas, assim como a outras agências reguladoras em todo o mundo, com a esperança de começar a vacinar esta faixa etária antes do início do próximo ano escolar", declarou.

O diretor executivo da empresa alemã BioNTech afirmou que os resultados que mostram uma elevada proteção para os adolescentes eram "muito promissores dadas as tendências observadas nas últimas semanas em relação à propagação da variante do Reino Unido B.1.1.7".


A vacina da Pfizer já está autorizada para uso a partir dos 16 anos e foi a primeira contra a covid-19 aprovada nos países ocidentais, no fim do ano passado. O novo estudo oferece a primeira evidência de como a vacina também funcionará em adolescentes em idade escolar.



No ensaio de 2.260 adolescentes entre 12 e 15 anos, foram registrados 18 casos de covid-19 entre os 1.129 participantes que receberam placebo e nenhuma ocorrência entre os 1.131 voluntários que receberam a vacina, o que resulta em 100% de eficácia na prevenção da doença. O resultado do estudo clínico ainda não foi submetido à revisão ​​por pares.

A vacina foi bem tolerada, com efeitos adversos semelhantes aos observados entre grupos com idades entre 16 e 25 anos. Não foram registradas reações adversas no grupo mais jovem. As reações relatadas no estudo em adultos foram leves a moderadas e incluíram dor no local da injeção, dor de cabeça, febre e fadiga.

A farmacêutica já começou um estudo de fase 1, 2 e 3 com crianças de 6 meses a 11 anos. Na última semana, as primeiras crianças de 5 a 11 anos receberam uma dose do imunizante. A Pfizer deve começar o ensaio de 2 a 5 anos na próxima semana e, em seguida, em participantes entre 6 meses e 2 anos. A empresa tem a expectativa de contar com 4.644 inscritos para o estudo e tem a previsão de divulgar os resultados até o final do. Doses da vacina já foram aplicadas em milhões de adultos em mais de 65 países.
Truvid

Parnaíba conta com mais um Ambulatório médico SUS


Em Parnaíba desde 2018 o Hospital e Maternidade Marques Basto em parceria com a Faculdade de Medicina – IESVAP oferece serviços ambulatoriais pelo SUS. 

Em 2020 foram atendidas, mesmo tendo os serviços suspensos por cerca de 3 meses devido a pandemia, 1.956 pessoas. Oportunizando ainda há 94 acadêmicos de medicina campo para aprendizado. Todos os atendimentos são realizados com acompanhamento de um preceptor médico. Os pacientes são regulados pela Prefeitura de Parnaíba encaminhados pelas Unidades Básicas de Saúde.  

“A parceria tem sido de grande importância para o atendimento e assistência em saúde à população parnaibana e da região da planície litorânea. O ambulatório tem ajudado a diminuir as filas de espera por consultas especializadas e a qualidade do atendimento é diferenciada. A integração ensino-serviço e comunidade no SUS tem trazido grandiosas experiências na formação dos futuros médicos”, explicou Any Carolina Guimarães, Diretora acadêmica do IESVAP. 

Por meio do Ambulatório de Clínicas Integradas, vinculadas ao SUS, acontecem atendimentos de várias especialidades médicas como Clínica Médica, Pediatria, Ginecologia e Obstetrícia, Dermatologia, Pneumologia, Cardiologia, Reumatologia, Cirurgia Vascular, Psiquiatria.  

Hospital Marques Basto, 80 anos prestando serviços nas áreas de saúde ofertando atendimento médico de qualidade em um ambiente amplo e confortável oferecendo comodidades e acesso a especialidades médicas. Hospital e Maternidade Marques Basto, o único da região norte do Estado em atendimento de alta complexidade! Marque sua consulta pelo número (86) 3315 – 7000 (whatssap) ou (86) 3315 - 7001. 

IMOBILIÁRIA J. CASTRO - VENDAS

  1. APARTAMENTO VILLE MARSEILLE




2. TERRENO SABIAZAL

Piauí prorroga por mais 90 dias a taxa do IPVA 2021 e taxa de Licenciamento

 O secretário de Estado da Fazenda, Rafael Fonteles, informou na manhã desta quarta-feira (31), que o pagamento do IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores) e da taxa de Licenciamento do Detran, que venceriam hoje, serão prorrogados por mais 90 dias, ficando agora o prazo final para 30 de junho.

"Será publicada ainda hoje uma portaria da secretaria de Estado da Fazenda, prorrogando por 90 dias o pagamento do IPVA 2021 e a taxa de licenciamento do Detran para todos os veículos do estado do Piauí", disse.

Mesmo com a prorrogação, fica mantida a opção de desconto de 5% para pagamento em cota única ou parcelamento em até três vezes, com a primeira cota para 30 de junho, a segunda para 30 de julho e a terceira para 31 de agosto.

"Essa é mais uma medida econômica importante para aliviar os efeitos socioeconômicos da pandemia da Covid-19 sobre o contribuinte piauiense", finalizou Rafael.

Refis IPVA 2020

Para quem possui débitos do IPVA 2020, o Governo do Piauí lançou o Refis com adesão até 31 de agosto. O Refis é uma das quatro medidas econômicas anunciadas pelo Governo do Estado para reduzir os efeitos negativos da pandemia na economia.

As condições são as seguintes:

- Desconto de 95% das multas e dos juros de mora, em caso de pagamento integral;

- Desconto de 80% das multas e dos juros de mora em até 6 parcelas mensais e consecutivas;

- Desconto de 70% das multas e dos juros de mora em até 12 parcelas mensais e consecutivas.

CANTINHO DO CAMARÃO

  

Ritmo de vacinação contra covid no Brasil mais que triplica em um mês


Março termina, mas, mesmo sem os dados da vacinação de hoje, é possível afirmar que o mês mais mortal da pandemia também comprovou a capacidade de estrutura e logística brasileira para grandes campanhas de imunização.

A chegada de insumos para as vacinas levou o Brasil a mais que triplicar o ritmo da vacinação, passando de uma média de 205 mil doses diárias para 694 mil, alta de 238% segundo o vacinabrasil.org. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

O ritmo atual de vacinação já é melhor que o do elogiado Reino Unido. Só ficamos atrás de EUA, Índia e China no número de aplicações diárias.

Em números totais, o Brasil havia aplicado exatas 8.465.403 doses até o dia 28 de fevereiro e fechou o dia de ontem com mais de 22 milhões.

A meta de um milhão de doses, criada pelo ministro Marcelo Queiroga (Saúde), quase foi batida. O recorde foi na segunda (29), com 937.150.

O número de doses disponibilizadas aos estados chegou a 35 milhões, das quais 29 milhões já foram distribuídas para aplicação na população.

PAX UNIÃO INFORMA - NOTA DE FALECIMENTO

PAX UNIÃO - A      nas Horas Difícieis

A PAX UNIÃO, em nome das famílias enlutadas, cumpre o seu doloroso dever de comunicar o falecimento das seguintes pessoas:

1. MARIA DE LOURDES SILVA DO NASCIMENTO, 88 anos de idade, falecida dia (30.03.2021) no Hospital Promédica em Parnaíba-PI. O corpo foi removido direto para o Cemitério São Sebastião onde será sepultado.

2. ABDIAS DE LIMA, 60 anos de idade, falecido dia (30.03.2021) No Hospital Estadual Dirceu Arcoverde em Parnaíba-PI, O corpo foi trasladado para o Pov. Campestre, S/N, Munic. de Luís Correia, onde será velado e sepultado.

3. ELDA OLIVEIRA CARDOSO, 69 anos de idade, falecida dia (30.03.2021) No Hospital Estadual Dirceu Arcoverde em Parnaíba-PI, O corpo foi removido direto para o Cemitério do Pov. Santa Ilária, Munic. de Cocal.

4. MANOEL PEDRO DO NASCIMENTO, 80 anos de idade, falecido dia (31.03.2021) em sua Residência, Trav. Da Liberdade, n°66, Bairro Rodoviária. O corpo está sendo velado na Travessa Armando Cajubá, n°186, Bairro Rodoviária. O sepultamento será logo mais às 16h no cemitério do Bairro Alta santa Maria.

5. FRANCISCO DAS CHAGAS DE SOUSA LIMA, 77 anos de idade, falecido dia (31.03.2021) no Hospital estadual Dirceu Arcoverde em Parnaíba-PI. O sepultamento será logo mais às 09 h no Cemitério São Sebastião.

A PAX UNIÃO, em nome das famílias enlutadas, agradece a todos que comparecerem a este ato de fé e piedade cristã.

Floricultura Violeta

Informou a Pax União. 

Parnaíba – PI, 31 de Março de 2021.

AULAS PARTICULARES E REFORÇO ESCOLAR


 

Braga Netto diz que 1964 deve ser compreendido no “contexto histórico”


O ministro da Defesa, Walter Braga Netto, divulgou uma nota alusiva ao golpe militar de 1964 dizendo que o evento precisa ser compreendido dentro do “contexto histórico” em que ocorreu.

Segundo o general, houve uma reconfiguração de forças no planeta após duas guerras mundiais e a derrota do nazi-fascismo e a Guerra Fria se refletia nas relações entre os países da América do Sul.

Braga Netto também afirma que “o País multiplicou suas capacidades e mudou de estatura” com a Lei da Anistia de 1979.

Confira a íntegra da nota do general Walter Braga Netto alusiva ao dia 31 de março de 1964.

Brasília, DF, 31 de março de 2021

Eventos ocorridos há 57 anos, assim como todo acontecimento histórico, só podem ser compreendidos a partir do contexto da época.

 O século XX foi marcado por dois grandes conflitos bélicos mundiais e pela expansão de ideologias totalitárias, com importantes repercussões em todos os países.

Ao fim da Segunda Guerra Mundial, o mundo, contando com a significativa participação do Brasil, havia derrotado o nazi-fascismo. O mapa geopolítico internacional foi reconfigurado e novos vetores de força disputavam espaço e influência.

A Guerra Fria envolveu a América Latina, trazendo ao Brasil um cenário de inseguranças com grave instabilidade política, social e econômica. Havia ameaça real à paz e à democracia.

Os brasileiros perceberam a emergência e se movimentaram nas ruas, com amplo apoio da imprensa, de lideranças políticas, das igrejas, do segmento empresarial, de diversos setores da sociedade organizada e das Forças Armadas, interrompendo a escalada conflitiva, resultando no chamado movimento de 31 de março de 1964.

As Forças Armadas acabaram assumindo a responsabilidade de pacificar o País, enfrentando os desgastes para reorganizá-lo e garantir as liberdades democráticas que hoje desfrutamos.

Em 1979, a Lei da Anistia, aprovada pelo Congresso Nacional, consolidou um amplo pacto de pacificação a partir das convergências próprias da democracia. Foi uma transição sólida, enriquecida com a maturidade do aprendizado coletivo. O País multiplicou suas capacidades e mudou de estatura.

O cenário geopolítico atual apresenta novos desafios, como questões ambientais, ameaças cibernéticas, segurança alimentar e pandemias. As Forças Armadas estão presentes, na linha de frente, protegendo a população.

A Marinha, o Exército e a Força Aérea acompanham as mudanças, conscientes de sua missão constitucional de defender a Pátria, garantir os Poderes constitucionais, e seguros de que a harmonia e o equilíbrio entre esses Poderes preservarão a paz e a estabilidade em nosso País.

O movimento de 1964 é parte da trajetória histórica do Brasil. Assim devem ser compreendidos e celebrados os acontecimentos daquele 31 de março.

WALTER SOUZA BRAGA NETTO
Ministro de Estado da Defesa

FISIOTERAPEUTA CONVENCIONAL - Dr. Daniel Moraes

 



Governadores do Nordeste pedem a Bolsonaro inclusão de policiais e professores no PNI

Os governadores do Nordeste enviaram ofício ao presidente Jair Bolsonaro pedindo uma adaptação no Plano Nacional de Imunização (PNI) do Brasil para que sejam incluídos profissionais de segurança e da educação como grupos prioritários na vacinação contra a covid-19. Os governadores alegam que os policiais atuam na linha de frente contra a covid-19 e que, com a imunização dos professores, o longo período de aulas remotas pode ser superado.

"É incontornável a urgência de adaptarmos o Plano Nacional de Imunização do Brasil, historicamente reconhecido por sua eficiência e qualidade, às condições especiais que enfrentamos neste contexto de pandemia prolongada", diz trecho do ofício, assinado pelo governador Wellington Dias (PT), presidente do Consórcio Nordeste, e pelos governadores Renan Filho (Alagoas), Rui Costa (Bahia), Camilo Santana (Ceará), Flávio Dino (Maranhão), João Azevedo (Paraíba), Paulo Câmara (Pernambuco), Fátima Bezerra (Rio Grande do Norte) e Belivaldo Chagas (Sergipe).

Os governadores pedem que a mudança no PNI seja apreciada na Comissão Intergestores Tripartite e que a medida se torne uma regra nacional.

"Considerando que os profissionais do Sistema de Segurança Pública vêm trabalhando diuturnamente na linha de frente do combate à COVID-19 e na garantia da segurança da população; e que a garantia da saúde dos profissionais da Educação, seja da rede pública ou privada, é fundamental para superarmos esse período prolongado aulas não-presenciais e consequente queda na qualidade, o Consórcio Nordeste apresenta pedido para que seja apreciado na Comissão Intergestores Tripartite a adoção de regramento nacional excepcional para que os profissionais da ativa da segurança e educação sejam incluídos na prioridade das prioridades, estabelecendo critérios de acordo com a disponibilidade de vacinas e regras do PNI", explica o documento.

Os gestores pedem que a proposta seja analisada de forma imediata para garantir a imunização dos profissionais.

"Os governadores dos nove Estados da Região, pedimos que haja imediata análise de nossa proposta para que possamos proteger profissionais da ativa de Educação e Segurança do Brasil e, assim, proteger de maneira mais eficiente todos os alunos e alunas e, claro, todos os brasileiros e brasileiras. O Consórcio Nordeste se soma a todas as autoridades públicas de nosso país na busca de soluções para a erradicação de tão terrível pandemia. Nessa condição e certo de vossa compreensão, colocamonos inteiramente à disposição para a realização de eventuais reuniões ou esclarecimentos", diz o ofício.

Além do presidente Jair Bolsonaro, o ofício foi encaminhado também para o ministro da educação, Milton Ribeiro e para o secretário de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Arnaldo Medeiras.

Decreto inclui professores, policiais e bombeiros no Piauí

Nesta terça-feira (30), o governador Wellington Dias assinou decreto autorizando a inclusão de professores, policiais e bombeiros no grupo  prioritário para vacinação contra a Covid-19.

“Assinei decreto em que classificamos atividades de segurança e também de educação como atividades não apenas essenciais, mas prioritárias na ordem de vacinação. O fato é que havia um pleito com os nossos gestores na área da segurança, da bancada federal com os deputados Rejane Dias e Fábio Abreu, bancada na Assembleia Legislativa, destaco aqui o deputado Carlos Augusto e deputado João de Deus”, disse o governador. 

Cerca de três mil policiais serão vacinados em Teresina e interior do estado.

Veja o ofício do Consórcio Nordeste enviado ao presidente Jair Bolsonaro



Hérlon Moraes

herlonmoraes@cidadeverde.com

IMOBILIÁRIA J. CASTRO - LOCAÇÃO:

 1. APARTAMENTO ALTAMIRO



2. APARTAMENTO DELTA

CORONAVÍRUS 30/03: Boletim epidemiológico de Parnaíba, PI

 













Portaria reduz missas e celebrações não podem exceder 2 horas na Semana Santa


Uma portaria assinada pelos secretários de governo e saúde do Estado estabelece restrições sanitárias voltadas as atividades religiosas durante o período da Semana Santa. Entre os dias 1º e 4 de abril, cada local de culto (templo, igreja, centro espírita, terreiro) poderá realizar apenas uma cerimônia religiosa diária presencial. 

As celebrações devem obedecer os 30% de público e respeitando o uso de máscara, distanciamento social e álcool em gel. 

Outra determinação é que as cerimônias religiosas não poderão ter duração superior a duas horas.

"Deverão ser rigorosamente respeitados o protocolo geral de recomendação higienicossanitárias com enfoque ocupacional frente à pandemia, bem como o protocolo específico para cada religião", diz a portaria assinada pelos secretários Osmar Junior (Governo) e Florentino Neto (Saúde).

Ainda de acordo com a portaria, entre os dias 29 e 31 de março, as cerimônias religiosas estão suspensas a partir das 20h.

Veja a portaria



Medidas restritivas

Desde ontem e até às 24h no dia 4 de abril ficam suspensas todas as atividades econômico-sociais, com exceção das atividades consideradas essenciais, como mercearias, supermercados, padarias e afins, farmácias, oficinas mecânicas e borracharias. Também poderão funcionar neste período lojas de conveniência e serviços de alimentação situadas em rodovias, exclusivamente para atendimento de pessoas em trânsito (viajantes), proibida a venda de bebidas alcoólicas.

Hérlon Moraes
herlonmoraes@cidadeverde.com

VOCÊ CONHECE OS NOSSOS MÉDICOS?

Pagamento por WhatsApp deve ser liberado em breve no Brasil

 Informação foi antecipada pelo presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, nesta terça-feira (30/03)

Em breve o WhatsApp terá mais uma função na vida dos brasileiros, além de ser uma ferramenta de comunicação, o aplicativo disponibilizará para seus usuários um serviço de pagamento virtual, conforme afirmou hoje (30/03) o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto.

Para Campos Neto a ferramenta será uma inovação financeira, ao juntar mensagens, conteúdo e meios de pagamentos. “O WhatsApp vai ser aprovado em breve para fazer pagamentos no Brasil. Vejo um casamento entre mídia social e o mundo de finanças, os controladores têm de entender como regular, enfrentar e o que significa para competição na sociedade”.

As declarações foram dadas nesta tarde durante um evento virtual sobre as “Perspectivas Econômicas e de Investimentos para o Brasil em 2021”. O evento foi transmitido pelo Youtube.

ELETRÔNICA AGAMENON - Visite-nos e confira nossa ofertas!!

  


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...