15 de mai de 2019

Trabalhadores terceirizados do Heda voltam a amargar com o atraso de salário

Depois da greve dos enfermeiros do Hospital Estadual Dirceu Arcoverde (Heda), agora são os terceirizados contratados do hospital que agonizam. Os trabalhadores entraram em contato com o vereador e jornalista Carlson Pessoa para denunciar o atraso dos salários. Eles contam que estão desde março sem receber pagamento.



Para piorar a situação, no mês passado muitos tiveram que pedir dinheiro emprestado para efetuarem o pagamento de nota fiscal na Prefeitura para que o Estado liberasse o pagamento. No entanto, amanhã (15) completa um mês e nada de salário, restado tão somente mais uma dívida para quem já enfrenta dificuldades até para comprar alimentação para a família.

“Muitos pediram esse dinheiro da nota emprestado para pagar na esperança de receber esse salário, que é muito suado, pois existem muitas cobranças, mas o pagamento que é bom, nada. Desde que o governo mudou a forma do pagamento, que o repasse vem de Teresina, tudo mudou. Ficamos sabemos por fontes que a pessoa responsável do pagamento da Secretaria de Saúde não atende o telefone e ficamos nisso. Sem salário, falta alimento nas nossas casas. Nossos filhos, estão desesperado, trabalhamos todos os dias. Queremos o nosso salário. Todos os meses um funcionário pede pra eu entrar em contato com o vereador Carlson Pessoa para denunciar nossa situação”, disse angustiada uma fonte que pediu para não ser identificada.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...