28 de jul de 2017

BrVox/Parnaíba: prefeito Mão Santa tem a sua gestão aprovada por 72%

180graus divulga agora os números da pesquisa BrVox realizada em Parnaíba, trazendo o índice de aprovação do prefeito Mão Santa (SD), que em 2016 conseguiu impedir a reeleição de Florentino Neto, numa campanha forte anti-PT. Nestes quase sete meses de gestão, o gestor alcançou no levantamento 72,5% de aprovação entre os 320 eleitores entrevistados.
Somente 20,94% disseram não aprovar a forma de administrar de Mão Santa. Os indecisos somaram 6,56%.
Na avaliação, 51,25% disseram considerar boa a gestão do prefeito. É regular na opinião de 17,5%, e ótima para 13,13% dos entrevistados. Ruim para 8,44% e péssima para 7,19%. Não quiseram ou não souberam opinar, 2,5%.
E pelo visto poucos são os que têm saudade da antiga gestão. 68,75% dos eleitores parnaibanos ouvidos pelo BrVox disseram que a gestão de Mão Santa é melhor que a de Florentino. 13,44% consideram que está pior, mesmo percentual daqueles que consideram que está igual. Indecisos somaram 4,38%.
aprovacaomaosanta.png
O instituto questionou ainda se os eleitores consideram o prefeito uma pessoa humilde. 78,75% consideram que sim. 12,81% acham que não. 8,44% não quiseram ou não souberam opinar. Quando indagados se Mão Santa é trabalhador, 62,5% responderam que sim, contra 20,63% que acham “mais ou menos”, e 11,88%, que responderam não. 5% são os indecisos.
Quanto às ações da gestão de Mão Santa, 50,31% disseram que o prefeito deve investir mais em saúde, e 20,31% considera que os investimentos devem ser concentrados mais na área de segurança. Nesta ordem, para os entrevistados, a prioridade deve ser educação (14,37%), construção e manutenção de estradas (5%), saneamento básico (4,06%), programas sociais (2,81%), construção de adutoras, açudes e barragens (1,25%), turismo (0,63%), moradia (0,31%). Não souberam ou não quiseram opinar, 0,94%.
- Ações de limpeza urbana são consideradas, até agora, a maior "obra" de Mão Santa, em sua gestão. Foto: Tribuna de Parnaíba.limpeza.png
Até agora, a obra mais relevante da gestão do prefeito do Solidariedade foi, na opinião de 29,38%, o trabalho de limpeza urbana. Seguem as ações relativas a obras de asfalto (17,81%), calçamento (11,88%), iluminação (11,56%), recuperação de praças e canteiros (5,94%), e UBS (0,63%). Indecisos no questionamento somaram 22,81%.
Os entrevistados responderam ainda sobre o trabalho da primeira-dama Adalgisa Moraes Souza, aprovado por 61,25%. 20,94% não aprovam, e 17,81% não souberam opinar. É o prefeito Mão Santa o considerado a maior liderança política na cidade, na opinião de 58,75%. Já para 13,75%, é o deputado estadual Zé Hamilton. Florentino Neto é a maior liderança na opinião de 6,56%, seguido da Deputada Juliana Falcão, com 5,63% de preferência, o ex-governador Zé Filho, com 2,81%, e Tererê, com 2,19%. 7,81% não souberam ou não quiseram opinar.
adalgiza.png
Quanto ao ex-governador Zé Filho, 44,38% disseram que votariam nele caso fosse candidato a deputado estadual. 37,5% disse que não votariam. 14,37% responderam que talvez. 3,75% foram os indecisos.
zefilho.png
___________________________________
PESQUISA BRVOX - TERESINA | APROVAÇÃO DE FIRMINO
A aprovação do prefeito de Teresina, Firmino Filho (PSDB), não é tão boa quanto a do governador Wellington Dias (PT), entre os eleitores entrevistados pelo Instituto BrVox, no dia 17 de julho. Somente 49,4% disseram aprovar a forma de administrar do tucano, que ano passado conseguiu eleger-se para seu quarto mandato.
Apesar das obras de mobilidade que estão sendo tocada em toda cidade, que irão transformar a prestação de serviços de transporte público na capital, e das muitas convocações de aprovados em concursos públicos, ainda são muitos os desafios da prefeitura.
Sofreu duros ataques da opinião pública recentemente, com a tentativa de implementar a taxa do lixo. Após críticas da oposição na Câmara de Teresina, e a recusa de boa parte da população em pagar o imposto, o prefeito Firmino acabou recuando, e deixando a questão para o próximo ano. Fator que pode ter influenciado para os 45% dos entrevistados que disseram não aprovar a gestão do prefeito. 5,6% não souberam ou não quiseram opinar.
aprovacao-firmino.png
O tucano sabe que precisa entregar as obras de mobilidade, e começou inaugurando os terminais de integração, que junto com os corredores exclusivos para ônibus e novas paradas, prometem melhorar a vida de quem depende do transporte público. Já que, por enquanto, tanta obra na cidade, é visto apenas como transtorno.
O teresinense espera que vire realidade.
Firmino sofre porque vem implementando transformações, que têm custo financeiro e implica em mudanças de hábitos e modelos há muito adotados pelo teresinense, que é implacável e deseja ver o quanto antes o efetivo resultado destas transformações.
Na avaliação, 34,4% dizem que o trabalho de Firmino é regular. É bom para 32,2%, ruim na opinião de 12,6%. 10,4% consideram o trabalho do prefeito péssimo, e é ótimo para 6,4%. Indecisos foram 4%.
__________________________________
APROVAÇÃO DO GOVERNADOR W.DIAS
opcao2.png
Para os eleitores entrevistados pelo Instituto BrVox nas cidades de Teresina, Parnaíba e Piripiri, o governo de Wellington Dias vai muito bem, obrigado. Nos três levantamentos, realizados neste mês de julho, a aprovação do petista está acima dos 50%.
O melhor desempenho foi registrado entre os eleitores da cidade de Piripiri. Por lá, a aprovação do governador chegou a 70,63%. Somente 17,5% disseram que não aprovam a forma de W.Dias governar. 11,88% não quis ou não soube opinar.
Na avaliação, 80,64% consideram a administração do governador ótima, boa ou regular. É ruim ou péssima para 13,13%. 6,25% não souberam opinar.
- É boa para os prefeitos peemedebistas a aproximação da cúpula da sigla com o governador W.Dias. Na foto, registro de audiência do prefeito Luiz Menezes (PMDB), com a presença inclusive do deputado oposicionista Marden Menezes (PSDB)ls.png
Já na cidade de Parnaíba, onde graças à campanha anti-PT executada com êxito pelo atual prefeito Mão Santa - impedindo a reeleição de Florentino Neto, atual secretário de Saúde do Estado - a aprovação de W.Dias é menor, mas ainda assim boa o bastante para mais da metade dos parnaibanos.
Por lá aprovação do governador foi de 57,81%, ante 31,25% que o desaprovam na forma de governar. Os que não responderam ou não souberam opinar foram 10,94%.
Os que consideraram a administração de W.Dias ruim ou péssima, na avaliação, foram 23,44%. É ótima para apenas 8,13% e boa ou regular na opinião de 65,01%. Indecisos foram 3,44%.
- No início deste mês W.Dias até marcou audiência com o prefeito de Parnaíba, que deixou o governador esperando. Já para a vice-governadora Margarete Coelho (PP), entregou comenda nesta semana.wdiasmaosanta.png
E na capital Teresina, onde se aninham os tucanos, o bom relacionamento com o prefeito Firmino Filho (PSDB) se reflete nos números, dando ao governador aprovação de 61% na capital. É desaprovado, contudo, por 34,2%, o maior percentual das três cidades. 4,8% não responderam ou disseram não saber opinar.
Na avaliação, a administração de W.Dias foi considerada ótima por apenas 7,8%. É boa na opinião de 35,6%, regular para 34%, ruim ou péssima para 19,8%, e só 2,8% responderam Não Sabe/Não Opina.
- Na capital Teresina, tudo tranquilo entre W.Dias e Firmino. Apesar das tentativas e namoros da oposição para fazer o tucano avaliar candidatura contra o petista em 2018. Foto: Rômulo Piauilino/AsCom PMTW.Dias.png
Mesmo com toda a campanha anti-PT, o governador Wellington Dias continua ileso, e representando bastante a figura do pobre. Se vale ainda da aparente tranquilidade nas contas públicas, pois mesmo tendo de recorrer à operações de crédito e empréstimos para realizar obras e investimentos, consegue manter a folha do servidor em dia.
E se é criticado por não entregar grandes obras estruturantes, tendo sempre de recorrer à ajuda federal, pulveriza suas ações no interior do Estado, para conseguir manter sua proximidade com os eleitores mais pobres.
INFORMAÇÕES DAS PESQUISAS
Teresina - Realizada no dia 17 de julho de 2017, ouvindo 500 eleitores. Tem margem de erro de 4,38% e nível de confiança de 95%.
Parnaíba - Realizada nos dias 17 e 18 de julho, ouvindo 320 eleitores. Tem margem de erro de 5,48% e nível de confiança de 95%.
Piripiri - Realizada nos dias 18 e 19 de julho, ouvindo 320 eleitores. Tem margem de erro de 5,48% e nível de confiança de 95%.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...