20 de jun de 2017

Procurador dos grandes casos de corrupção analisa denúncia contra Rejane Dias

DENÚNCIA DA LIVRARIA ANCHIETA – Está no gabinete do procurador do Ministério Público do Tribunal de Contas da União, Marinus Marsico, desde a tarde do dia 14 de junho, a denúncia de superfaturamento apresentada pela Livraria Anchieta contra a secretária de Educação do Piauí, Rejane Dias.
O ministro-relator no TCU, Benjamin Zymler, distribuiu a denúncia para que o Ministério Público de Contas emita um parecer sobre a representação. ACOMPANHE AQUI
Segundo a denúncia da livraria junto ao TCU, que também foi apresentada no Tribunal de Contas do Estado, era possível a SEDUC-PI comprar o Dicionário Oxford Escolar Para Estudantes Brasileiros por um preço de R$ 42,34 .
Mas, alegando exclusividade da distribuidora Editora Brasil, a secretária Rejane Dias comprou 17 mil exemplares do mesmo dicionário a um preço de R$ 73,00 e que após o desconto ficou R$ 58,40, totalizando uma compra de R$ 992.800,00. Tudo feito sem licitação, a compra dos dicionários e de outros livros somou quase R$ 3 milhões.
No TCE, a denúncia contra a secretária Rejane Dias aguarda um relatório da Divisão de Fiscalização da Administração Estadual (DFAE). (Código do Poder)

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...