24 de mai de 2017

Homem é detido após cortar as duas orelhas de cachorro no Piauí

Imagem ilustrativa 
Um morador de Monsenhor Gil foi trazido para a Central de Flagrantes de Teresina após cortar as duas orelhas do seu próprio cachorro. O caso ocorreu no último sábado (20), mas só hoje o animal ganhou uma nova casa, de uma policial militar que resolveu adotá-lo.
A delegada da Central, Ana Luiza, conta que os moradores denunciaram a violência contra o animal. "O que está relatado no procedimento é que o proprietário do cachorro fez isso no sentido de punir o animal por ele ter, ou causado prejuízos na vizinhança, ou corrido atrás de outros animais", conta a delegada.
O caso chocante foi denunciado a Polícia Militar local que trouxe o suspeito e resgatou o animal. O crime prevê apenas o registro da ocorrência, então o suspeito foi liberado em seguida se comprometendo a comparecer quando acionado pelo juizado especial, que é onde tramitam casos desse tipo.
O animal que estava sem lar e precisava de tratamento veterinário foi adotado por uma PM que se voluntariou a prestar os cuidados ao animal. Ela já possui uma empresa de adestramento e trabalha com animais.
Rayldo Pereira
rayldopereira@cidadeverde.com

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...