21 de dez de 2016

Verão no Hemisfério Sul começa nesta quarta-feira (21)

Solstício de Verão começa às 8h44 desta quarta; temperaturas devem se manter na média em grande parte do País e mais altas no Norte e Nordeste.

Resultado de imagem para verão
O verão começa às 8h44 desta quarta-feira (21). É nessa hora que o Sol vai atingir o seu ponto mais distante do Equador celeste no Hemisfério Sul, dando início à estação mais quente do ano na porção austral do planeta – na parte norte, começa o inverno.
"No início dessa estação ocorre o dia mais longo do ano: o Solstício de Verão. É como se o Sol, ao chegar ao ponto mais distante, fizesse uma parada para retornar", explica a pesquisadora da Coordenação de Pesquisa em Astronomia e Astrofísica do Observatório Nacional (ON), Josina Nascimento.
De acordo com o Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Cptec/Inpe), as temperaturas devem se manter na média histórica em grande parte do País. Nas regiões Norte e Nordeste, por outro lado, elas podem ser maiores.
Com relação à ocorrência de chuvas, os satélites apresentam baixa visibilidade na maior parte do território brasileiro que inclui as Regiões Sudeste, Centro-Oeste e parte do Norte. "A previsão de precipitação das chuvas deve ficar acima da faixa normal para o sul e abaixo para o norte da Região Norte e Nordeste", explica a pesquisadora do Cptec/Inpe, Renata Tedeschi.
Quanto ao calor, Renata adverte que o verão só é excepcionalmente em algumas pates do País. "Só é válido para as Regiões Centro-Oeste, Sudeste e Sul. Nas demais regiões, as temperaturas médias são muito próximas durante todo ano", explica.
Estações do ano
Cada estação é definida pela posição da Terra em sua órbita em torno do Sol e pela inclinação do eixo de rotação do planeta. A depender da posição em relação ao astro, determinadas porções do globo ficam mais quentes ou frias.
O horário e o dia do início das estações variam a cada ano porque o chamado ano civil da Terra não é idêntico ao período de translação do planeta, de aproximadamente 365 dias e 6 horas.
"A cada quatro anos, ocorre o ano bissexto, com 366 dias, para compensar essa defasagem. Assim, pode-se observar que o instante do início da estação vai aumentando de cerca de seis horas de um ano para outro, mas com o  bissexto esse horário volta a ser próximo do que era no ano bissexto anterior, como em um ciclo", explica Josina Nascimento.
Fonte: Portal Brasil, com informações do Mcti

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...